Carregando...
 
 
Brasília-DF, 01 de Novembro de 2011. Ano 7
Hoje
NOVEMBRO/2011
D S T Q Q S S
1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30
Total de 33219 notícias
DISTRITO FEDERAL
Chico Leite quer investigar "aloprado" de falsos dossiês
Da redação em 30/11/2011 18:32:44

Após tomar conhecimento da nota  “Candidato a "aloprado" é descoberto em Brasília” em referência a supostos dossiês que estariam sendo montados contra integrantes da oposição no DF, o deputado distrital Chico Leite (PT) disse que vai pedir uma investigação sobre o assunto. “Investigação ilícita é crime e tem que ser investigada”, explicou o parlamentar.

Chico Leite já foi vítima de ataques pela internet e está até processando pessoas suspeitas de terem participado da articulação para denegrir a sua imagem. O parlamentar defende que o embate entre oposição e situação deve ser no campo das ideias e não através do “jogo sujo” da intriga e dos “dossiês falsos”.

O petista acredita que a polícia deve abrir investigação para encontrar os suspeitos de estarem montando dossiês falsos contra integrantes da  oposição,  do governo, empresários ou cidadãos comuns. “Não podemos viver numa cidade onde o artifício da intriga e das ilicitudes sejam uma prática comum”, garantiu o parlamentar petisa.


DISTRITO FEDERAL
Rollemberg elogia trabalho dos evangélicos
Da redação em 30/11/2011 17:44:59

 O futuro candidato ao GDF nas eleições de 2014, o senador Rodrigo Rollemberg (PSB) acabou de postar no Facebook uma mensagem sobre o Dia do Evangélico. O senador diz que “as igrejas evangélicas realizam um trabalho importantíssimo na área social, baseado na solidariedade e no amor ao próximo”.

Rollemberg lembra que “não podemos prescindir de uma aliança estratégica com as igrejas para construir uma sociedade mais justa, mais solidária e mais generosaE E arremata: “sinto-me feliz em viver num país onde diversas religiões convivem de forma harmoniosa”.


DISTRITO FEDERAL
Brasília passará mais um ano sem réveillon?
Enviado por Carlos Honorato em 30/11/2011 17:34:39

Será que Brasília passará mais um ano sem ter o réveillon na Esplanada dos Ministérios? Os dois últimos anos a população do DF foi penalizada em função das mazelas dos políticos e pela roubalheira descoberta na Operação Caixa de Pandora. Segundo o portal Brasília-247, as atrações deveriam ter sido anunciadas em 22 de novembro, mas até hoje nada foi divulgado.  Espera-se que quando o governador Agnelo Queiroz retornar de Bruxelas se tome alguma providência para que Brasília não passe mais um ano sem o seu réveillon. Ninguém merece.


DISTRITO FEDERAL
Roriz vê o GDF inerte
Da redação em 30/11/2011 16:58:07

O ex-governador Joaquim Roriz se recupera de forma excelente de uma recente cirurgia de coluna que adiou por vários anos. Paralelo a tudo isso, ele acompanha todos os movimentos da política do DF. E para quem acha que ele já dependurou as chuteiras políticas ele manda um recado: “estarei participando do processo político das eleições de 2014”. Roriz não arrisca dizer que é candidato, mas diz estar com muita vontade de fazer política.

Roriz não chega a fazer duras criticas ao governador do DF, Agnelo Queiroz (PT). Se tivesse que dar um conselho ao governador Agnelo diria para “começar a governar”. O ex-governador diz que “o GDF está inerte. Faltam obras para incentivar os empresários e girar a economia”.

Só que Roriz até releva a falta de obras no Distrito Federal em função do governador Agnelo Queiroz estar envolvido mais com “assuntos policiais do que políticos”. O ex-governador acredita que as eleições de 2014 poderão apresentar muitas surpresas. Só que ele não arrisca qualquer prognóstico.


ECONOMIA
Governo deve cortar IOF para estimular crédito
Da redação em 30/11/2011 14:45:18

Preocupado com a desaceleração da economia, o governo brasileiro já estuda medidas para estimular o crédito e o consumo das famílias. Segundo apurou a repórter Adriana Fernandes, da Agência Estado, uma delas é a redução da alíquota do Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) incidente nas operações de crédito feitas por pessoas físicas. Em abril deste ano, Mantega dobrou a alíquota do IOF de 1,5% para 3% para moderar o consumo e, agora, deve reverter a medida. A decisão deve ser anunciada no fim desta semana ou no início da próxima. (AE)


CELEBRIDADES
Deu saudade, Pato?
Da redação em 30/11/2011 14:40:14

A atriz global Sthefany Britto aparece ainda mais provocante em novas fotos divulgadas pela revista VIP. A ex-mulher do jogador Alexandre Pato posou pela segunda vez para a revista, e, desta vez, fotografou sem sutiã. Confira as imagens abaixo.


POLÍTICA
Validade da Ficha Limpa pode ser julgada nesta quarta pelo STF
Enviado por Carlos Honorato em 30/11/2011 14:27:16

Está na pauta da sessão desta quarta-feira do Supremo Tribunal Federal (STF) o julgamento da validade da Lei da Ficha Limpa. O julgamento foi interrompido no último dia 9 por um pedido de vista do ministro Joaquim Barbosa. Mas o fato de as três ações sobre a lei terem sido colocadas em pauta pelo presidente do STF, ministro Cezar Peluso, não quer dizer que elas sejam de fato julgadas.

Ainda no início da sessão, às 14h, os ministros podem decidir adiar o julgamento ou, ainda, outras ações podem ser julgadas antes e pode não sobrar tempo para a decisão sobre a Ficha Limpa. A lei tem como finalidade barrar a candidatura de políticos condenados ou que renunciaram a cargo eletivo para evitar cassação.

A principal ação em análise é a da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). A entidade pede que o STF declare a constitucionalidade de toda a Lei da Ficha Limpa para que não haja dúvidas para as eleições do ano que vem.

O julgamento será retomado com o voto vista de Barbosa. Até agora, o único voto proferido é o do relator, o ministro Luiz Fux, que fez uma defesa quase integral da lei. O ministro propôs apenas uma alteração: só ficariam inelegíveis políticos que renunciassem para escapar de possível cassação quando o processo no Conselho de Ética já estivesse em andamento. Informações do Terra.


ELEIÇÕES
Boni confessa manipulação do debate Lula x Collor
Da redação em 30/11/2011 14:10:44

No programa Dossiê da Globo News (26/11/2011), o diretor da toda poderosa Globo, Boni confessa que manipulou o último debate entre Lula e Collor. Debate realizado nos estúdio da Globo e com a edição no Jornal Nacional tornou-se o maior golpe contra a democracia e a livre escolha dos brasileiros nos tempos pós ditadura militar. 


RETRATO DO BRASIL
Unicef mostra que cresce o número de adolescentes na extrema pobreza
Da redação em 30/11/2011 14:04:51

O adolescente brasileiro está mais pobre e permanece exposto a casos de violência em nível preocupante, diz o relatório da Situação da Adolescência Brasileira do Fundo das Nações Unidas para a Infância, o Unicef, divulgado nesta quarta-feira (30).

Dos 21 milhões de adolescentes brasileiros de 12 a 17 anos, 38% - cerca de 7,9 milhões - vivem em situação de pobreza, em  famílias com renda inferior a meio salário mínimo per capita por mês (R$ 272,5 considerando o salário mínimo atual). Os casos considerados mais graves estão entre os 3,7 milhões de adolescentes dessa mesma faixa de idade, o correspondente a 17,6% da população adolescente, que vivem na extrema pobreza, em famílias com até 1/4 do salário mínimo per capita por mês (R$ 136,25).

Os dados do Unicef mostram que a participação de adolescentes na faixa mais pobre da população aumentou. De 2004 a 2009, o número de adolescentes na extrema pobreza passou de 16,3% para 17,6%, em descompasso com a crescente redução da pobreza no país.

O Unicef utilizou dados oficiais do governo brasileiro para a obtenção das informações. O relatório, no entanto, constatou avanços na maioria dos indicadores analisados, dentre elas redução do número de adolescentes que só trabalham e não estudam, redução do analfabetismo entre adolescentes e redução do percentual de adolescentes que não estudam e não trabalham.

Homicídio
As taxas de homicídio, no comparativo com 2004, mantiveram-se estáveis, mas ainda são as principais causas de morte na faixa dos 12 aos 17 anos.

Com base em dados divulgados pelo Ministério da Saúde, o Unicef observa que 19,1 meninos e meninas nessa faixa de idade em cada grupo de 100 mil pessoas do mesmo grupo de idade morreram vítimas de homicídio em 2009 - o equivalente a 11 assassinatos de adolescentes por dia no país. A cada 100 mil adolescentes, 43,2 deles morrem por homicídio.

Cor da pele e gênero
As condições de vida do adolescente se agravam quando são destacadas por cor da pele. Segundo o relatório, um adolescente negro tem 3,7 vezes mais risco de ser assassinado em comparação com adolescentes brancos. A mesma lógica se aplica entre adolescentes indígenas em casos de analfabetismo: as chances são três vezes maiores do que a dos adolescentes em geral.

As distorções por gênero também merecem atenção, de acordo com o Unicef. Existem 10 casos de meninas infectadas por HIV para cada 8 de meninos. São os meninos, contudo, que apresentam a maior taxa de analfabetismo: 68,4% não sabem ler e escrever.

Regiões
Conforme o relatório, a situação de pobreza é maior na Amazônia, que concentra 38% dos adolescentes pobres no país. Já o semi-árido lidera nos índices de distorção idade-série, com 35,9%. Entre os grandes centros urbanos, o destaque é São Paulo, com média de 10,7 homicídios de adolescentes entre 10 e 19 anos para cada grupo de 100 mil adolescentes. Informações do G1.


DISTRITO FEDERAL
Embaixada dos EUA faz mutirão de vistos em Brasília
Da redação em 30/11/2011 12:37:45

A embaixada dos Estados Unidos em Brasília realiza nesta quarta-feira (30) mutirão para renovação de vistos. No terceiro mutirão de 2011, a embaixada espera conceder o serviço a mais de mil pessoas durante o feriado do Dia Nacional do Evangélico. O tempo estimado na fila é de três horas.

De acordo com a embaixada, o programa atende à crescente demanda por viagem ao país, que aumentou 230% para vistos de não-imigrantes desde 2006. A organização disse ainda que pretende duplicar o número de funcionários consulares em São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília e Recife.

De janeiro a novembro deste ano, a missão diplomática no Brasil prestou o serviço a 812.282 brasileiros. A embaixada informou que pessoas que tenham visto com validade vencida há menos de um ano precisarão apenas registrar as impressões digitais. Informações do G1.


DISTRITO FEDERAL
Candidato a "aloprado" é descoberto em Brasília
Da redação em 30/11/2011 11:45:34

 Tem candidato a “aloprado” solto em Brasília. Para quem não sabe, aloprado foi a expressão usada pelo ex-presidente  Lula da Silva para designar os acusados de comprar um falso dossiê, de Luiz Antônio Trevisan Vedoin, com fundos de origem desconhecida.
 
O dossiê era a base para forjar um escândalo contra o candidato ao governo de  São Paulo pelo PSDB, José Serra, de ter relação com o escândalo das sanguessugas. A idéia era prejudicar José Serra e beneficiar o candidato petista Aloizio Mercadante.

Um dossiê do “candidato a aloprado” de Brasília já foi descoberto e será entregue amanhã a Polícia Federal. Um dos citados no dossiê quer que o “aloprado” prove todas as informações contidas no falso dossiê.


DISTRITO FEDERAL
Reeleição nas mãos de Benício Tavares
Da redação em 30/11/2011 11:01:27

 Caso o presidente da Câmara Legislativa do DF, Patrício (PT), queira desengavetar o projeto de emenda a Lei Orgânica para possibilitar a sua reeleição terá que tomar algumas providências. A primeira delas é convencer o autor do projeto, deputado Benício Tavares (PMDB), a reapresentá-lo.
 
Cassado pelo TSE recentemente, Benício Tavares (PMDB) não parece estar querendo discutir o assunto. Ele atualmente se organiza para tentar salvar o seu mandato junto ao STF. O detalhe curioso é que Travares hoje lidera o chamado bloco dos 16”, que pode definir qualquer eleição na Câmara Legislativa do DF.

Alguns deputados comentam reservadamente que o atual presidente da Casa não conseguiria a reeleição. A tese é a de que Patrício não está sendo um presidente que atende os parlamentares. "Ele ignora os pedidos dos deputados e pouco conversa sobre temas relevantes do Legislativo com seus pares", diz um parlamentar revoltado.


DISTRITO FEDERAL
Idec mostra que metrô de Brasília é o mais caro do mundo
Enviado por Carlos Honorato em 30/11/2011 10:02:17

  Roberto Abreu, Correio Braziliense

Andar de metrô em Brasília está mais caro do que em Londres, Paris e Nova York. Com uma população de mais de 2,5 milhões de pessoas, a capital federal lidera o ranking de preço alto entre 19 grandes cidades de todo o mundo em relação ao salário mínimo local, segundo uma pesquisa realizada pelo Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec). Durante 20 dias úteis, a tarifa de R$ 3 no Distrito Federal consome por mês 22,02% do salário mínimo de R$ 545. Para chegar ao resultado, foram analisadas seis cidades brasileiras e 13 estrangeiras.

O Rio de Janeiro, segundo no ranking, tem uma tarifa de R$ 3,10, o que compromete 20,43% de uma renda mínima mensal de R$ 607. Em seguida vem São Paulo, que cobra R$ 2,90 a passagem e consome 19,02% do piso paulista de R$ 610. Em Belo Horizonte, com a tarifa de R$ 1,80, o gasto mensal com metrô corresponde a 13,21% do piso nacional pago ao trabalhador. Nesse ranking do Idec, Recife e Fortaleza ficaram, respectivamente, em 8ª e 14ª posição. Nova York, Londres e Paris, estão, pela ordem, em 11º, 12º e 17º lugares. Caracas tem a menor tarifa. O trabalhador venezuelano, com renda mensal de R$ 848,34, gasta 1,95% do salário com metrô.

No Distrito Federal, diariamente passam 135 mil pessoas pelas 24 estações do metrô. Somados os dois dias do fim de semana (sábado e domingo), o número de usuários é o mesmo. O diretor Comercial e Financeiro, Nilson Martorelli, que responde pela presidência do Metrô-DF, discorda do resultado da pesquisa realizada pelo Idec. Para ele, qualquer comparação realizada com Brasília colocará a cidade como a mais cara. “Não podemos utilizar como parâmetro o salário mínimo. Na Europa, ele custa, em média, entre R$ 14 e R$ 16 por hora. Em Brasília, é R$ 2,48 a hora, e a capital tem a renda per capta mais alta do país. Se compararmos isso, a tarifa daqui é a mais barata”, avalia.   

Martorelli pondera que a idade do metrô também influencia o valor da tarifa. “O mais novo é o de Brasília, com 10 anos. Os de São Paulo e do Rio de Janeiro têm 30 anos. Na Europa, ele é centenário. O metrô do DF está crescendo e nossa meta é melhorar cada vez mais e oferecer um transporte de qualidade.”

Preços
A tarifa do metrô no Distrito Federal é definida pelo governo local. Martorelli lembra que o último reajuste foi em 2006, quando o valor passou de R$ 2 para R$ 3, um aumento de 50%. Segundo ele, se o cálculo técnico fosse analisado e a passagem não fosse subsidiada, o custo da passagem seria muito maior. “O GDF estipula um valor coerente com a evolução do salário do brasiliense. A tarifa hoje ultrapassaria os R$ 3 devido aos custos operacionais, mas a população não suportaria, então o governo arca com o restante”, explica.Com 42,38km de extensão, o metrô atende apenas parte do DF, que inclui Asa Sul, Epia, Guará, Águas Claras, Taguatinga, Ceilândia e Samambaia.

O preço do bilhete é criticado pelos usuários. O agente de segurança Francisco de Assis de Sousa Guedes, 44 anos, mora em Sobradinho e leva mais de cinco horas para ir e voltar ao trabalho. Ele também concorda que o preço poderia ser mais baixo. “Eu tenho vale-transporte, mas se o preço fosse diferente, meu salário seria maior. Faz diferença na hora de colocar a comida na mesa, na hora do lazer”, diz Francisco, que é casado e tem três filhos.


DISTRITO FEDERAL
Mídia nas estações do metrô
Da redação em 30/11/2011 09:57:03

Um suposto empresário de mídia exterior está colocando o carro na frente dos bois. Ele contratou uma equipe e já mediu todo o espaço publicitário externo nas estações do metrô do DF. Concluído o trabalho, ele está fazendo um tour por agências de publicidade do Rio e São Paulo, sugerindo que se reserve publicidade para serem divulgadas em espaços generosos do metrô.

Só existe um problema: salvo engano, a Companhia Metropolitana do Metrô do DF ainda não licitou nada a respeito do tema. Até parece que está tudo combinado ou não. A conferir.


DISTRITO FEDERAL
Eleição na Câmara não terá "forasteiros"
Da redação em 30/11/2011 08:53:34

 Apesar da eleição para a escolha da nova mesa da Câmara Legislativa do DF ainda estar muito distante – dezembro de 2012 -, alguns deputados garantem que já se tem um quesito básico: não serão aceitos os “forasteiros”, parlamentares eleitos que trocaram o Legislativo pelo Executivo.



< Anterior | 1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 | 9 | 10 | Próximo >
372 registros

Edição:


Sem frase

Sem enquetes no momento.

Sem broncas

Enviar bronca
MP3 Player


Iniciar sessao